terça-feira, 25 de abril de 2017

Livre da Vergonha - Christine Caine

 Autor: Christine Caine
Ano: 2016
páginas: 187
editora: Chara

"A culpa tem a ver com o que eu faço, a vergonha tem a ver com o que eu sou"


A vergonha, geralmente, é a responsável pelas estancadas que a gente dá na vida. Na maioria das vezes, a gente deixa de conquistar alguma coisa ou assumir a nossa verdadeira identidade por medo e/ou por vergonha das pessoas.
Assim como já aconteceu comigo e provavelmente já aconteceu com você, Christine Caine passou por algumas situações na vida que a fizeram não querer assumir quem realmente era e deixar de lado sua vocação, deixar aquilo que ela nasceu para fazer!
Quem acompanha o blog pôde conferir algumas resenhas que fiz sobre os livros publicados por Christine em português e percebeu a admiração que sinto por esta mulher que é um exemplo de FORÇA e DETERMINAÇÃO. Mas posso afirmar, sem medo algum, que depois de conhecer um pouco mais sobre a sua história, estou ainda mais encantada por esta líder ímpar, que tem feito muito em sua caminhada!

"Vergonha é o sentimento ou experiência intensamente dolorosa de acreditar que somos imperfeitas e, portanto, indignas de aceitação e de pertencermos a algum lugar ou a alguém"


Christine Caine é australiana, mas tem descendência grega. Desde pequena mostrou-se uma criança peculiar! Quando tinha 5 anos, estava pronta para ir a escola, e super animada com a possibilidade de aprender muitas coisas e conquistar novos amigos. Afinal, quem não gostaria de estar rodeados de crianças da mesma idade para brincar? Já na sala de aula, Caine estava encantada com tudo que estava vivendo. A professora era bem legal, a escola era bem legal e a sua turma parecia ser extremamente amigável... até que chegou a hora do lanche: o momento onde finalmente seria possível conhecer e conversar com seus amigos!
Caine sentou-se em uma roda juntamente com outras crianças, faminta! Abriu sua lancheira e retirou um delicioso sanduíche recheado com seu queijo feta (um queijo grego tradicional que possuí um cheiro forte) e azeitonas, o seu favorito. Para a sua surpresa, um dos meninos gritou: "Arghhhh!!! Que cheiro horrível é esse? Que coisa fedorenta é essa que você está comendo? É aquele queijo grego fedorento!!!" Foi aí que Caine descobriu a vergonha, e esta tornou-se sua amiga íntima por muito tempo. 
Caine ficou terrivelmente abalada, e no decorrer do ano, todo os lanches que sua mãe preparava foram, dolorosamente, jogados na lata de lixo antes de entrar na sala de aula o que a deixava com o estômago doendo de tanta fome. 

Quando Caine estava um pouco mais crescida, conseguiu interpretar as palavras ofensivas que ela e seu irmão recebiam enquanto caminhavam para casa depois de um dia cansativo na escola. Conseguiu também descobrir que as palavras feias pichadas na rua de sua casa eram destinadas a sua família, afinal eram os únicos gregos que moravam ali!

Esses episódios fizeram com que Caine se envergonhasse de quem era, tornando-a assim uma criança extremamente agressiva. 
Quando tinha entre 8 e 9 anos, Caine começou  a se interessar por esportes e era a melhor aluna da classe, sem contar que tinha uma liderança forte! Mas, nos anos 70, uma menina "grega", inteligente, líder e que se interessava por esportes não era uma coisa muito fácil de se aceitar. 
Na escola, a professora reclamava da liderança forte e agressiva e em casa, sua mãe constantemente a confrontava dizendo ela era inteligente demais e nunca conseguiria um bom casamento se continuasse assim, afinal, que homem se interessaria por uma mulher mais inteligente que ele?
Uma boa moça grega deveria ser uma excelente dona de casa, não poderia ler tantos livros, ser uma líder e muito menos praticar esportes... Foi aí que Christine encravou em sua pele a vergonha. Ela queria mais, mas não podia! Ela precisou esconder quem era ou quem deveria ser, por causa da vergonha! Acredita que certa vez ela falsificou uma nota alta, transformando-a em uma nota menor, para alegrar sua mãe?? (Seria cômico se não fosse trágico!)

Foi assim que essa moça cresceu, rodeada pela vergonha, até que as coisas pioraram: Caine começou a sofre abuso!! Isso mesmo: ser privada da sua identidade, suas vontades e da liberdade não foi o suficiente, para aumentar a sua vergonha, Caine sofreu abuso por aproximadamente 12 anos (por várias pessoas que eram da confiança de seus pais).

Mas Caine conseguiu superar todas essas coisas. Deixou para trás o abuso, a vergonha de ser quem era. Casou-se e é uma líder bem sucedida e respeitada. Até que aos 33 anos é golpeada mais uma vez: descobre que ela e o irmão são adotados e sua mãe biológica nem ao menos teve o trabalho de lhe dar um nome, e o pior: em seu documento não havia nem mesmo o nome de seu pai!
Essa era Christine Caine: indesejada, rejeitada e humilhada... 





Apesar de tudo conspirar para o contrário, ela não deixou que as circunstancias do seu passado ditassem o seu futuro!
Christine Caine tornou-se uma líder, ativista contra o tráfico internacional de pessoas, escritora e conferencista internacional. É uma mulher que tem paixão por justiça e por isso fundou a A21 Campaign, uma organização que luta contra o tráfico humano, além disso, fundou (juntamente com seu marido) a Propel Women, uma organização destinada á capacitar mulheres para a liderança, equipando-as para o sucesso desenvolvendo o senso de propósito dada por Deus!
Q U E  M U L H E R !!!!

Christine tinha tudo para ser uma pessoa amargurada e derrotada. Mas ela escolheu jogar a vergonha fora e ser aquilo que ela foi chamada para fazer. E você, vai continuar permitindo que as circunstancia digam o que você  pode ou não fazer, ou ainda definir a sua identidade?

LEVANTE-SE, SOLTE A BAGAGEM, ABRACE SUA LIBERDADE E CUMPRA O SEU DESTINO!

livro cedido pela editora. Para adquiri-lo acesse o site da editora!


Thamires Vasoncelos
Cientista Natural; Cristã; Bookaholic.
email: thamiresrcosta@gmail.com
instagram: @thamirevasconcelos
snapchat: thamiresrcv

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Gênesis 1 e 2 - Adauto Lourenço

Autor: Adauto Lourenço
Ano: 2011
páginas: 235
editora: Fiel


Por muito tempo, a ciência e a fé eram linhas totalmente paralelas. É verdade que a gente não pode explicar cientificamente o que a fé expõe ou religiosamente o que a ciência estuda. Na verdade, são dois métodos diferentes para tratar basicamente a mesma coisa: a vida! Seja a origem, estrutura, funcionamento, desenvolvimento e/ou extinção. 
Jonathan Sacks diz que "a ciência desmonta as peças para ver como funciona, enquanto a religião (fé) as juntam para ver o que significa."


Eu conheci (de forma online) o trabalho do professor Adauto Lourenço, há uns 3 ou 4 anos atrás. Alguém comentou sobre a palestra de um físico criacionista em algum lugar de Brasília. Infelizmente, não consegui ir á palestra, mas fiquei tão impressionada com o que escutei sobre o trabalho do professor que assisti ao maior número de palestras suas que consegui encontrar no youtube. Fiquei muito entusiasmada com grande parte do que ouvi e aprendi. Afinal, eu não estava só: Eu era uma estudante de ciências - em um universidade federal totalmente ateia - que acreditava na ciência como comprovação da criação de Deus. 
Para a minha tristeza, o acesso aos livros do professor era muito difícil. Depois de longos meses de procura, encontrei um de seus livros anunciados na Amazon, mas, sempre estava esgotado. Até que no início deste ano, a livraria Chara disponibilizou alguns exemplares para venda (2, para ser mais exata).
Assim que vi o livro não tive dúvida! Comprei! 


Existem três maneiras de estudar o criacionismo (movimento ideológico/ teórico que acredita que o Universo foi criado): o Criacionismo científico, criacionismo religioso e o criacionismo bíblico.

1. O criacionismo científico investiga através do método científico a possibilidade de um Universo Criado, mas não atribui sua criação á uma força sobrenatural.
2. O criacionismo religioso é a ideologia pregada por diversas religiões onde um serr supremo (ou vários) criaram o Universo. Tais ideologias são explicadas pelas mitologias presentes nas diversas culturas mundiais.
3 O criacionismo bíblico é a ideologia baseado no que a Bíblia diz. Dentro de tal vertente podemos encontrar ainda, três linhas de pensamento: o Criacionismo bíblico literal, criacionismo bíblico aberto e o criacionismo bíblico linear. (apesar do criacionismo Aberto e o criacionismo Linear serem quase a mesma coisa, eu particularmente, prefiro dividi-lo em diferentes linhas de pensamento).

O livro do professor Adauto tem uma linguagem praticamente linear, o que nos mostra uma parcial da visão de seu autor a respeito. O livro é dividido em 13 capítulos, os quais são:


  1. A Bíblia e a História
  2. Gênesis e a história
  3. Gênesis e a Ciência
  4. Gênesis e a Teoria da Evolução
  5. Gênesis 1.1- O Início
  6. Gênesis 1.2 - Interpretações
  7. Gênesis 1 e 2 - Duas criações
  8. A Duração dos Dias de Gênesis
  9. A Divisão dos Dias de Gênesis
  10. A Criação dos Corpos Celestes
  11. A Criação das Plantas
  12. A Criação dos Animais
  13. A Criação do Ser Humano



Um resumo sintético sobre o trabalho é praticamente que a ciência e a fé andam juntas, e a ciência a cada dia explica o que a bíblia não coloca em evidencia.
A ideia para este post não é debater o trabalho apresentado, mas sim indica-lo aos leitores que desejam conhecer um pouco mais do trabalho do professor e/ou sobre o criacionismo.
Apesar de não concordar 100% de todas as ideias apresentas, acredito que o trabalho é extremamente válido, pois compartilha informações que edificam  a nossa fé e o nosso conhecimento.
Se você não tem nenhum tipo de familiaridade com algum campo científico, não se preocupe, a linguagem apresentada é bem simples e acessível á todas as pessoas.




Em março eu tive a oportunidade de assistir um dos seminários ministrados pelo professor, aqui na minha cidade, bem pertinho da minha casa. Fiquei extremamente alegre, quando fui apresentada ao professor. Tenho um respeito imenso por esse profissional experiente, educado e super simpático que tem trabalhado com afinco para divulgar o criacionismo científico. Sou extremamente grata por receber de forma prática um conhecimento que demorou, provavelmente, anos para ser adquirido.



Caso queiram que discutamos algum dos capítulos aqui no blog, ou alguma dúvida é só deixar nos comentários que ficarei extremamente honrada em inicia-la!




Thamires Vasoncelos
Cientista Natural; Cristã; Bookaholic.
email: thamiresrcosta@gmail.com
instagram: @thamirevasconcelos
snapchat: thamiresrcv

terça-feira, 11 de abril de 2017

Destinados a Vencer - Kris Vallotton

Autor: Kris Vallotton
Ano: 2017
Páginas: 229
Editora: Chara

Em todos os mementos da nossa vida sempre há alguma coisa a aprender, pessoas a ajudar e obstáculos a enfrentar. Essa é a dinâmica de viver a vida, estar em constante crescimento, desenvolvimento e avanço pessoal. No livro Destinados a Vencer, kriss Vallotton quer que tenhamos gravado me nossas mentes que Jesus vive dentro de nós e por isso temos tudo o que precisamos para vencer as provas da vida e nos tornar a pessoa que fomos criadas para ser em Deus, recusando-nos a sermos limitados pelos medos e/ou sabotados por aqueles que apenas nos criticam. Vallotton nos inspira a sermos pessoas incríveis, vivendo o chamado divino, mudando a história e descobrindo as nossas verdadeiras identidades para vivermos plenamente realizados em nossa individualidade.



"Quando a  beleza externa é uma manifestação da alma saudável que está dentro de você, ela parece autentica, real e atraente.” 

CAPITÃO AMÉRICA

Quando era adolescente, Kris e um amigo, costumavam andar em uma sucata em forma de carro, o Capitão América. Tal sucata era presenteada com inúmeros problemas mecânicos, elétricos e de lanternagem, entretanto, os adolescentes acreditavam que o carro era uma máquina potente e a coisa mais legal do mundo! Hoje, a máscara de engano de Kris em relação ao carro caiu, ele sabe exatamente o que o Capitão América foi em sua adolescência: toneladas de sucata.  Assim como Kris, devemos retirar as máscaras que nos impede de viver a grandeza que fomos chamados para viver. Devemos retirar as máscaras e abrir os olhos para aquilo que realmente somos. Mude o que precisa ser mudado e reconheça a grandeza que existe dentro de você!

DE DENTRO PARA FORA

Se você deseja atingir seu pleno potencial em Deus, precisará encontrar uma cultura na qual o amor flua através de você para o que te rodeia. Qualquer coisa diferente disto reduzirá sua capacidade e retardará seu destino grandioso.  Descubra sua identidade e deixe que o seu potencial transborde através de você. 

AS COISAS FRACAS CONFUNDEM AS SÁBIAS

Vemos imitações de diamantes em todos os lugares, elas estão nas bijuterias, nos objetos de decoração... mas a verdade é que não queremos ver as imitações, queremos ver os diamantes verdadeiros, criados pelas pressões da vida.
É através de nossas fraquezas e imperfeições que a beleza intrínseca do nosso Criados brilha: "Quando e onde somos fracos, Ele é forte, e a Sua força é revelada através das nossas fraquezas." 

SEU DESTINO ESTÁ NAS PESSOAS QUE O CERCAM

As pessoas que nos cercam despertam o destino que está dormente dentro de nós. Quando encontramos as pessoas certas, descobrimos nosso destino!  

ENCONTRANDO AS PESSOAS CERTAS


Nós somos seres relacionais, assim andar com as pessoas certas ativam o potencial que está guardado em nós. Preste atenção ao DNA que está dentro de você para poder encontrar as pessoas certas no mundo que o cerca. Até encontra-las, você não poderá compreender plenamente o propósito divino para o qual foi destinado, porque seu destino está nessas pessoas!

CERCADO DE IDIOTAS 

É indispensável que você decida de maneira intencional para quem você vai abrir seu coração. O fato é que as pessoas que você permite que o influenciem determinarão se você vai se tornar alguém capaz de transformar o mundo ou um terrível fracasso!  Se você estiver cercado de idiotas, se tornará exatamente como eles.

" Quem anda com os sábios será sábio, mas o companheiro dos insensatos se tornará mau." 
Provérbios 13.20


OCUPE SEU LUGAR

Achar o nosso lugar pode ser um pouco mais complicado do que a gente imagina, e pode definir o nosso sucesso. Se você tem o desejo e o chamado para tornar-se uma atriz(o) e mora em uma cidade pacata do interior, onde nada acontece, talvez seja interessante mudar-se para uma cidade que poderá proporcionar oportunidades para a sua carreira, como São Paulo e Rio de Janeiro, onde as maiores emissoras de televisão estão localizadas. Ficar em um lugar onde não existam oportunidades para o seu chamado ou que possui uma visão diferente da sua pode ser um atraso naquilo que Deus tem para você. Ore e peça para que o Espírito Santo o guie na jornada para conhecer o lugar que Deus tem para ti. 

VOCÊ ESTÁ ME INCOMODANDO

Você é o único que realmente conhece você, além de Deus. Só você é capaz de determinar sua energia, controlar o estresse, e conhece seus medos e paixões... Você é o único que pode estabelecer seus próprios limites. Tenha coragem para dizer não. Não viva segundo as expectativas dos outros. 

FORJADO NA FORNALHA 

"Entre a promessa contida no propósito para o qual você foi destinado e o palácio dos seus sonhos há a roda do oleiro."

DEIXANDO A DOR PARA TRÁS

Enfrentar situações que nos marcaram negativamente pode ser um pouco dolorido, mas é necessário para que alcancemos o nosso futuro vitorioso. Portanto: 
    1. Perdoe aqueles que lhe causaram dor;
    2. Mude sua maneira de pensar sobre a dor;
    3. Permita-se sofrer (temporariamente);
    4. Examine seus pensamentos perturbados;
    5. Fortaleça as áreas que estão fragilizadas; 
    6. Vá aos poucos quando estiver lidando com a dor.


CALÇADAS PARA O SUCESSO

"Tudo aquilo que você diagnosticar erroneamente você irá tratar de forma errada" 
(Este é um capítulo destinado a líderes que precisam de ajuda em sua liderança)


ESCULPINDO PEDRA

 Michelangelo, o grande artista, disse uma vez: "vi um anjo no mármore e o esculpi até encontra-lo."A diferença entre esculpir pedras e liberar anjos é a habilidade de visualizar o potencial aprisionado nas pedras da vida.


ABRINDO OS CÉUS

"Recuse-se a ser limitado pelos seus medos, restringido pelo seu passado ou sabotado por aqueles que o criticam ou por dias difíceis!"


Em Destinados a Vencer pude afirmar a minha identidade para cumprir meu propósito no Reino! Impactante!! 

Adquira  o livro aqui e também seja edificado pela ministração do Kriss Vallotton!
*Exemplar cedido pela editora.




Thamires Vasoncelos
Cientista Natural; Cristã; Bookaholic.
email: thamiresrcosta@gmail.com
instagram: @thamirevasconcelos
snapchat: thamiresrcv

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Razão e Sensibilidade e Monstros Marinhos - Jane Austen e Ben H. Winters

Autor: Jane Austen e Ben. H. Winters
Ano: 2009
páginas: 318
editora: Intríseca

Há alguns meses atrás eu vi o trailer de um filme chamado "Orgulho e Preconceito e Zumbis" e fiquei muito empolgada, afinal eu havia terminado não fazia muito tempo a leitura do livro da Jane Austen (Orgulho e Preconceito). Vi o filme no cinema e tudo!! 
Então, olhando as promoções de aniversário da Amazon encontrei o livro "Orgulho e Preconceito e Zumbis" e fiquei extremamente feliz. Só que, descendo a página, vi que existe uma coleção desses livros que são "parceria" entre o Ben e a Jane. 


John Dashwood é um homem fútil que apesar de ter um bom coração  casou-se com uma mulher ainda mais fútil e sem amor ao próximo que detesta as cunhadas. Por isso, quando seu pai foi assassinado por um tubarão-martelo, suas irmãs Elinor, Marianne e Margaret  e sua madrasta precisaram sair da casa onde passaram tantos momentos felizes, pois John era o herdeiro de tudo o que o pai deixara.
Deixar a casa foi a coisa mais difícil que fizeram, além de ir para um lugar onde nunca estiveram, a viagem reservava perigos imensos, pois este é um tempo onde os animais marinhos foram transformados em monstros. Sim, em monstros! O mar agora abriga animais totalmente diferentes do comum. Leviatã, Lulas-gigantes, lagostas mortíferas... e muito mais. Toda essa transformação dos animais marinhos é chamado de “Alteração”, o que infelizmente não é contado no livro como esta começou ou aconteceu. Foi neste cenário que as As Dashwood cruzaram o mar para chegar até o seu novo lar, uma ilha chamada Pestilenta, um lugar repleto de segredos que proporcionará descobertas fantásticas e relacionamentos intensos.
Elinor, uma moça de 19 anos, é a irmã mais velha do trio. Ela ama entalhar coisas. Além de ser uma moça bela, bem educada, estudiosa, inteligente e a mais sensata das Dashwood, Elinor possuía entendimento de praticamente todos os monstros marinhos, conhecendo seus pontos fracos e fortes.
Marianne, a segunda filha, é uma nadadora vigorosa, muito sensata (embora não tanto quanto á irmã mais velha), inteligente, generosa, amável, entretanto, não era nada prudente e as suas emoções não conheciam nenhum tipo de moderação. A bela moça – a mais bonita das irmãs- possuía uma quedinha por histórias de piratas e aventuras com grandes monstros marinhos e assim, com os heróis caçadores de monstros e tesouros.
Margaret, a caçula das Dashwood, é bem-humorada, bondosa, extremamente curiosa e imprudente. Características que a levará a conhecer os segredos mais produfundos residentes na ilha Pestilenta.
 A ilha Pestilenta faz parte de um conjunto de ilhas chamado “Arquipélago Middleton”, nome recebido por causa do cavalheiro que o possiu, Sir John Middleton, um antigo aventureiro podre de rico. Por meio de Sir John as Dashwood conhecem o coronel Brandon- um homem-polvo-, a Sra. Jennings, as irmãs Steele entre outras personagens que serão importantíssimas nessa grande aventura.



No meio do oceano, existe uma Estação Submarina onde pesquisas para melhoramento humano e estudo dessas monstros marinhos acontecem. É nesta Estação que as melhores coisas acontecem, é a Estação o centro de todo divertimento e ponto de encontro das pessoas de posse. Depois de uma grande decepção amorosa, é para lá que Elinor e Marianne vão, para tentar apagar as lembranças e evitar os olhares curiosos dos vizinhos amigos. Mas, mal elas sabem que estão indo para a maior aventura de todas as suas vidas, onde acontecerá de tudo!
Para quem conhece a versão original de Jane Austen não precisa se preocupar. Apesar do enredo continuar praticamente o mesmo,  Bem nos conta a história de maneira totalmente nova, em um cenário diferente, bem pensado, divertido e que dá asas a imaginação. Então, se você já conhece a história de Jane, não se preocupe: a cada capítulo é uma experiência totalmente nova, a gente nunca sabe o que Ben fará com a cena e que rumo tomará aquela personagem!!
É um distopia fantástica que vale a pena ser lida. 

(Disponível no Amazon)


Thamires Vasoncelos
Cientista Natural; Cristã; Bookaholic.
email: thamiresrcosta@gmail.com
instagram: @thamirevasconcelos
snapchat: thamiresrcv

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

O Jardim Secreto - Frances Hodgson Burnett

Autor: Frances Hodgson Burnett
Ano: 2013 (minha edição)
páginas: 269
editora:34


Mary Lennox é uma criança azeda, mau educada, mimada e de aparência mais desagradável que já existiu. E era verdade, mesmo!! Mary tinha o cabelo amarelo e o rosto também amarelo, um corpinho magro e mirrado, um cabelo ralo e desbotado e uma expressão nada convidativa. Seu pai era um funcionário do governo inglês na Índia - aliás, a Frances ama a índia, viu. Em suas histórias sempre estão presentes alguma coisa relacionada á cultura indiana ou ao país-, ele andava sempre ocupado e doente, e Mary raramente o via. Sua mãe era um mulher belíssima que só se importava em ir á festas e se divertir com gente animada, e que nunca quisera uma criança, com isso, quando Mary nasceu foi entregue aos cuidados de uma Aia, que deveria manter a criança fora de sua vista. Então, quando Mary era um bebezinho feio e irritadiço fizeram o possível para mantê-la longe de sua mãe dando-lhe tudo o que podiam, e assim foi até que ela virasse uma criança mandona e mau-humorada.
Quando tinha nove anos, uma fatalidade chega a sua casa e a mãe de Mary, juntamente com alguns criados, morrem de uma doença contagiosa e fatal. A única sobrevivente na imensa casa é a pobre Mary. 
Mary precisa sair da Índia para ir morar com um tio que nunca teve contato com a sobrinha e possui uma fama de ser um homem frio e insensível, e ainda, possui uma assustadora e imensa corcunda. O tal tio, além de toda a má fama é dono de uma fortuna gigantesca, e a casa onde Mary irá morar é cheia de mistérios, portas trancadas e jardins. 
O tio nunca está na mansão e quando está também deseja que Mary fique fora do seu caminho e não o incomode. Assim, Mary fica aos cuidados de uma governanta que a deixa livre para perambular pela propriedade e também por uma servente que é responsável pela limpeza dos cômodos de Mary e por servir sua comida. Por mais mágico que pareça, Mary encontra na sua jovem servente uma amiga carinhosa e divertida. Com um sotaque forte do interior, a criada instiga a curiosidade natural de Mary para as descobertas que podem ser exploradas fora da casa. Em algumas dessas "explorações", Mary faz amizades com dois meninos. Um deles parece possuir encantamentos mágicos, pois consegue conversar com os animais e é seguido por estes onde quer que vá, e ainda consegue fazer com que todas as sementes que são plantadas por ele, cresça. O outro menino é um garoto doente e mimado, que por sua condição é dono de uma personalidade gigante e um inteligência fantástica! Seus novos amigos a ajudam a restaurar um jardim secreto, que há 10 anos estava trancado a chave e ninguém nunca o adentrara nesse período. O jardim passa a ser o segredo dos amigos, e a cada dia os galhos mortos e quebrados vão saindo e dando lugar às flores lindas, coloridas e perfumadas. 
Juntos, essas três crianças descobrem o quanto o ar puro e fresco é importante para a saúde, que os mistérios são legais e ainda, aprendem o valor das inocentes e verdadeiras amizades. 
Essas crianças mudarão a vida de muitas pessoas e vão trazer a felicidade de volta a casa misteriosa e triste.


Apesar de ser uma história escrita para crianças, assim como em todas as histórias da Frances, a gente consegue aprender muita coisa e tirar lições importantíssimas para as nossas vidas. 
Mary mudou completamente. Antes uma menina feia  e azeda, agora é uma bela e saudável jovem, com um humor estonteante e uma inteligência aguçada. 
A história vai muito além da restauração de um jardim por três crianças e um velho jardineiro. Tudo mudou porque a perspectiva de vida mudou. Depois de sua curiosidade aguçada, Mary entendeu que a vida é valiosa e deve ser vivida de maneira plena e divertida, com pessoas importantes á nossa volta. 

É uma aventura mágica recomendada para as pessoas de todas as idades! 

PS: Sim, esse livro é a base para o filme!!! 


Thamires Vasoncelos
Cientista Natural; Cristã; Bookaholic.
email: thamiresrcosta@gmail.com
instagram: @thamirevasconcelos
snapchat: thamiresrcv

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

#Eu Apoio a Literatura Nacional

Toda vez que leio algum livro do Machadão, Cecília, Amado, Graciliano, ou qualquer outro desses autores clássicos, fico com aquele sentimento de orgulho no peito, de saber que o nosso Brasil possuiu grandes mentes. Mentes estas que nos presentearam com histórias recheadas de críticas sociais, denúncias ás injustiças e aos sofrimentos dos brasileiros escondidos nas mais remotas plantações de cacau. Porém, as grandes estórias não morreram com estes grandes nomes, muito pelo contrário, á cada dia que passa, as grandes mentes brasileiras vão renovando-se, de geração á geração. O grande problema é que o Brasil não possui um grande público para os autores nacionais - por mais irônico que pareça - . Para chegar ás grandes editoras e distribuidoras, o escritores enfrentam um longo e árduo caminho.
Para apoiar meus caros colegas, resolvi lançar um "quadro" novo aqui no blog. Uma vez por mês irei compartilhar sobre um autor nacional e suas obras. Vou fazer a minha parte e divulgar os grandes talentos do nosso gigante, rico e diverso país.
Então, se você é autor ou conhece um (ou vários) que precisam sair do "anonimato", entre em contato por alguma mídia social que estará disponível no fim do post. Vamos apoiar a literatura nacional contemporânea!  😂😂




O primeiro autor que vai participar desse "quadro" é um autor que eu conheci por acaso. Sendo bem sincera, eu não faço a mínima ideia de como, quando ou o porque eu o tinha no meu instagram. Mas, ele estava lá, e "vira e mexe" eu via algum anúncio de seus livros. Até que em outubro de 2015, comprei em uma promoção os quatro livros lançados de maneira independente pelo autor. Comecei a leitura dos livros no início de janeiro de 2016, e precisei ler os outros livros ema sequencia. A srta. Ward já havia me conquistado...
Quando terminei a leitura da série completa, mandei um whastapp para o autor e recebi uma resposta tão educada e interessada que no mesmo instante virei fã. O autor o qual iremos conhecer suas obras hoje é o educadíssimo Luis Madureira.



Luis Madureira é formado em Economia pela Faculdade de Economia de São Luis e cursou MBA pela Business School São Paulo e Universidade de Toronto. Atuando no setor industrial, ocupou posições executivas e empresas multinacionais no Brasil e no Exterior.
Incentivado por parentes e amigos, iniciou sua carreira como escritor em 2011, tornando-se autor da série AWARD, composta pelos romances policiais: Aparências, Joia Rara, Amor e Ódio, e Vida Nova e seu último lançamento Sequestro.







Eu li a série AWARD (os 4 livros) em um intervalo de 1 ou 2 meses, e confesso que só "atrasei" a leitura porque precisei viajar. O legal é que os livros não possuem um sequencia definitiva, você pode ler tranquilamente um livro sem ter lido o anterior e a sua compreensão da estória e dos protagonistas não serão afetadas. O que é super legal, caso você não tenha condição ou interesse de comprar os 4 livros de uma vez como eu fiz.  Eu optei por ler os livros na sequencia em que foram lançados e é assim que eu os apresentarei a vocês.



APARÊNCIAS


Carlos é responsável pela área de informática de uma empresa multinacional. Ele é casado com Bianca, ou mais conhecida como Bibi para os íntimos , ela é uma bancária linda e super recatada. O lindo casal é amigo de um outro par, Nando e Val.O Nando tem uma academia e a Val é bancária linda e super recatada, assim como a Bibi.
Em um belo dia Carlos reencontra um antigo amigo, o Juca e o convida para jantar em sua casa, e claro, Nando e Val também são convidados para o jantar. Para a surpresa de todos, tanto Bibi quanto Val já conheciam o Juca, o amigo de Carlos é um antigo cliente do banco onde as mulheres trabalham. A noite teria tudo para ser muito divertida e relaxante até que a mulher de Juca, Silvinha, chega para participar do jantar. Ela é o tipo de mulher linda e sabe que é linda, vulgar, que gosta de ser notada e costuma constranger seu marido em todas as ocasiões possíveis.
O ponto é que Silvinha é assassinada. Não amigo, não é spoiler! As primeiras páginas do livro vão nos mostrar isso. Mas o problema é: quem matou Silvinha?
A gente vai descobrir que nunca se deve confiar nas aparências!

A estória é tão bem pensada e amarrada que o tempo todo você não consegue saber realmente o que aconteceu com a "periguete". Você só consegue descobrir o autor do crime e o motivo no final. E até chegar lá são tantas dúvidas e novas evidências que a gente fica com crise de ansiedade. O mais interessante é que esse romance é estreia do autor!! Que estréia, heim!!

A qualidade física do livro é impecável. Uma diagramação simples e satisfatória; fonte confortável; folhas amareladas. A única coisa que me incomodou foi a capa do livro. Achei um pouco boba, apesar de estar em sincronia com o enredo, acho que nas próximas edições o autor deveria repensa-la.

JOIA RARA 


Alva Ward é uma milionária linda, dona de um corpo escultural e de uma personalidade extremamente forte que dirige uma empresa que organiza grandes eventos. Alva está noiva de um sujeito que parece ser o homem de sua vida, até descobrir que ele está de casamento marcado com outra mulher, a sua mais nova amiga, que por coincidência tem o casamento organizado por Alva! No meio de toda essa confusão, uma série de assassinatos acontece e Alva, é claro, é a principal suspeita para o imponente tenente Raí Duran.

Este é o segundo livro publicado do autor é a evolução é notória. Tanto no exemplar (a capa dessa edição é bem sugestiva e agradável) quanto na escrita. A evolução nos diálogos apresentados e dos protagonistas é tamanha que a Senhorita Alva Ward tornou-se uma personagem que deverá ser explorada em outras estórias, sem dúvida! No final do livro tive aquela sensação de que poderia esperar muita coisa da dupla imbatível: A patricinha Alva e o sério  tenente Duran.

AMOR e ÓDIO 


Depois de meses conturbados e com fortes emoções, Alva Ward decide tirar alguns dias de férias embarcando no luxuoso navio italiano Imperatore. Nesse interim, alguns formandos do curdo de Administração de Empresas estariam embarcando no mesmo navio para comemorar o fim da graduação. Alva conheceu uma parte desse grupo e logo se tornou uma excelente companhia entre eles, até dois passageiros serem assassinados. O que seria uma viagem tranquila para uns e festiva para outros passa a ser uma viagem assustadora. E aqui vemos mais uma vez a dupla Alva e Duran em ação.

Esse é, sem dúvida, o meu livro favorito da série. A capa do livro, as personagens,  o enredo... tudo! Nesse livro a Alva está mais madura e é possível conhecer melhor a sua mente inteligente, apesar de continuar extremamente sensual a gente conhece um outro lado dela que não foi tão possível conhecer em “Joia Rara”. Acho que aqui eu comecei a gostar dela de verdade! Rsrs

VIDA NOVA


Alva Ward e Raí Duran agora são um casal declarado. Ele decide investir na relação e muda-se para São Paulo (cidade onde Alva mora), mas enfrenta diversos problemas no novo ambiente de trabalho (Divisão de Homicídios da Polícia de SP) e também em seu relacionamento. As coisas não ficam tão fáceis para o tenente carioca e só pioram quando descobre que sua amada será a próxima vítima de um perigoso assassino. Detalhe: o assassino é um velho conhecido do casal!

Foi interessante conhecer um pouco mais sobre o tenente Raí Duran. O autor foi muito feliz quando decidiu nos mostrar mais sobre ele, uma vez que já conhecíamos a beleza, sensualidade e inteligência da Alva e não muito sobre o tenente. Apesar de um livro policial, a gente acompanha um pouco de romance na trama, mas nada muito clichê ou "água com açúcar".

Quando terminei esse livro, mandei uma mensagem por whastapp para o autor e disse que o Duran e a Alva deveriam ter mais estórias, serem mais explorados. Pra mim eles são o casal policial referência que estava faltando no Brasil. O autor me respondeu de uma maneira tão educada e atenciosa que eu fiquei ainda mais feliz com o trabalho dele.
No ano passado, o Luis Madureira lançou outro livro chamado SEQUESTRO, onde conta a história de Jonas, um ambicioso e arrogante executivo que é casado com Helena, uma jovem herdeira. No meio de muitas brigas sérias, Jonas recebe um bilhete anônimo com um pedido de resgate por sua esposa. Seria esse um sequestro comum? Quem estaria por trás de toda a trama? 
Eu ainda não li esse último trabalho do autor, mas assim que possível gostaria de ler. Com toda certeza quero acompanhar o trabalho desse escritor.


Para mais informações sobre o autor e/ou para adquirir seus livros, acesse seu instagram.

E ai, alguém já leu algum desses livros? O que achou?



Thamires Vasoncelos
Cientista Natural; Cristã; Bookaholic.
email: thamiresrcosta@gmail.com
instagram: @thamirevasconcelos
snapchat: thamiresrcv



segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Traduzindo Deus - Shawn Bolz

Autor: Shawn Bolz
Ano: 2017
páginas: 187
editora: Chara

Eu sempre admirei as pessoas sérias e responsáveis que são usadas por Deus no ministério profético. Eu, particularmente, nunca me imaginei uma "profetiza", pois até ler o livro do Shaw, acreditava que apenas pessoas separadas á dedo por Deus poderiam exercer esse chamado. Shawn Bolz me mostrou através de sua vasta experiência e relatos emocionantes que é possível sim um cristão "comum" andar no caminho do profético, pois este está aberto para todas as pessoas.


O livro já me impressionou na primeira pagina que abri, só de Endossos (elogios) são 7 páginas. Grandes homens como Randy Clark, Peter Wagner, Eric Johnson, Bobby Conner... entre outros, estão entre estas páginas. Através de uma leitura divertida e relaxante, Shaw nos mostra que Deus nos ama e fala conosco! 

São 13 capítulos onde Shaw nos inspirará e nos preparará para:

  - Aprender a ouvir Deus para nós mesmos e para os outros;
  - Crescer através de passos simples e focados;
  - Correr grandes riscos;
  - Permanecer disposto a prestar contas; 
  - Amar as pessoas com excelência;
  - Crescer na intimidade com o Senhor.


1. Uma Simples Meta de Amor

É difícil enxergar a profecia como um dom de amor enquanto determinados profetas gastam seu tempo discernindo no que falhamos, em nossos pontos fracos e aquilo em que nos tornamos indignos, e depois disso ainda nós dão apenas palavras de correção ou direcionamento que não nos ajuda de fato a sair do erro e mudar a nossa vida. Ou ainda, apenas pronunciam juízo sobre nós porque possuem uma teologia "amarrada em performance".
Devemos diferenciar o discernimento comum da informação espiritual que recebemos para ajudar aqueles que estão diante de nós, amando-os como Deus os amou. 

2 - A Revelação da Revelação

A revelação dada por Deus tem o objetivo de encorajar ou alertar a outra pessoa, fazendo com que elas acreditem que não são apenas boas corredoras em uma boa corrida, mas que são dignas de receber o primeiro lugar.  A revelação te empodera para que você empodere outros.

3 - Por que Desejo o Profético Avidamente?

Quando unimos a bíblia e um caminhar espiritual de relacionamento com Deus, teremos o poder de trazer transformação para as pessoas que estão ao nosso redor através do amor de Deus transmitido em nós. 

4 - O Profético, em primeiro lugar, é uma cultura do coração

"Sigam o caminho do amor e busquem com dedicação os dons espirituais, principalmente o dom de profecia."
 (1ª Coríntios 14.1 NVI)

Para escutar o que Deus tem a dizer para as pessoas é necessário que as enxerguemos como Deus as vê, e ama-las como Deus as ama. É necessário que amemos as pessoas independente de quem são, do que possuem e do que fizeram. É necessário ter a convicção de que há algo sagrado em toda a criação e nas pessoas.

5 - A Natureza da Revelação do Novo Testamento

No Antigo Testamento, Deus desejava dar Sua mente ao povo judeu para que pudessem estar conectados a Ele da maneira que eles foram planejados para estar. Deus estava constantemente ajudando-os a enxergar onde seus olhos estavam espiritualmente fechados através de homens separados por Ele, os profetas. Quando Cristo morreu e ressuscitou, em Sua ascendência aos Céus, Ele disse que nos deixaria um consolador, o Espirito Santo. Quando estabelecemos uma conexão profunda com Ele, o Espírito Santo, conseguimos escutar os pensamentos de Deus no mais profundo do nosso ser.   


6 - A Revelação: Um passo além do Discernimento 

"A Revelação nos faz discernir  a mente de Deus e o mais profundo do seu coração." 

A humanidade foi criada para ter discernimento. Nascemos com intuições e Deus nos criou com a habilidade de discernir os motivos, as intenções, os talentos, as habilidades e os dons uns dos outros.
Shaw diz que o "discernimento não é o recebimento de uma mensagem e sim o início de um diálogo". Deus usa o nosso discernimento (uma espécie de intuição) e nos ajuda a olhar com olhos espirituais o mundo e as pessoas ao nosso redor. É uma junção dos sentidos humanos e o sentido espiritual. 

7 - Como Deus se Comunica

"A Revelação é Progressiva" 
"Deus precisou me dar uma revelação para entender a revelação. e isso aconteceu depois de que eu já havia tido uma revelação."
Jerame Nelson

"Deus nunca fala uma vez só". Todas as vezes que conversamos com Deus a respeito de alguma coisa, ou quando Deus nos diz algo sobre alguém ou sobre você mesmo, Ele sempre confirma de alguma maneira. Deus está constantemente mostrando Sua mensagem profética pelas circunstancias e por nossa história.
A revelação não é apenas uma direção ou um pensamento para o agora, e sim um compartilhamento de Deus sobre Si em um relacionamento conosco.

8 - Os Dons da Revelação 

Deus revela o seu coração de diversas maneiras e os dons proféticos são a manifestação de tais revelações:
- Palavras de Sabedoria: Uma revelação sobre o que fazer com aquilo que está dentro de nós; A palavra de Sabedoria é a revelação sobrenatural, pelo Espírito Santo, com um propósito divino de conselho da mente e da vontade de Deus;
- Profecia: É a habilidade de conhecer o que está disponível no coração de Deus para o futuro;
- Palavra de Conhecimento: A Revelação sobrenatural do Espírito Santo sobre a vida de uma pessoa;

9 - Poder Profético é o poder para Relacionamentos

"O poder do relacionamento vem da conexão, não do diálogo."

Os pais de Shaw já estão casado ha 50 anos, e quando cozinham, eles mal conversam. Isso não quer dizer que não exista conexão, muito pelo contrário. Eles já estão em um nível tão alto de intimidade que não precisam abrir a boca para que o outro saiba o que está precisando. Relacionamentos poderosos são sustentados através da conexão.

10 - Revelação: Todos podem Participar

Deus investe tanto o seu amor pela humanidade que esse amor pode ser constantemente visto em todos os lugares. Ele está, constantemente, nos dando chances para que tenhamos a vida que Ele planejou que tivéssemos. A presença de Deus está sobre toda a Terra disponível para quem deseja recebe-la.

11 - Responsabilidade: Uma nova forma de crescer 

Existem muitos profetas autoproclamados que profetizam em nome de Deus e acabam feriando as pessoas, fazendo com que essas culpem a Deus sobre as coisas profetizadas que não aconteceram ou culpam a si mesmo. Por isso, é necessário que tenhamos responsabilidade com o que dizemos ao próximo, certificando se a palavra vem realmente de Deus através do discernimento da palavra profético e pelos frutos.

12 - Responsabilidade na Revelação

"Você é o ser humano mais importante na sua própria vida", portanto não deixe que alguém dirija a sua vida por meio da profecia sem que Deus confirme as palavras em seu coração. Quando a palavra é vindo realmente de Deus, é possível que seu espírito sinta isso instantaneamente.


13 - Praticando 

Você pode profetizar se quiser! Você pode ver mais frutos da profecia do que qualquer outra geração  já viu! Esse é o momento! Entregue-se inteiramente no seu relacionamento com Deus.




 
O dom profético é nada mais que alinhar o nosso coração com o Céu e amar as pessoas. Quando alinhamos o nosso coração ao coração de Deus, conseguimos escutar tudo aquilo que Ele tem para nos dizer. Quando amamos as pessoas e estamos com o coração alinhado á Deus, conseguimos escutar aquilo que Deus tem a dizer para nós e para as pessoas. 
Fui muito ministrada enquanto lia os relatos de suas experiencias no livro. Shaw compartilhou experiencias que me tocaram intimamente e me fizeram desejar um relacionamento mais profundo com Deus e explorar mais do Seu amor através do ministério profético.

Encontre o livro para venda aqui.

Livro cedido pela editora.




Thamires Vasoncelos
Cientista Natural; Cristã; Bookaholic.
email: thamiresrcosta@gmail.com
instagram: @thamirevasconcelos
snapchat: thamiresrcv