domingo, 4 de setembro de 2016

Saudade...



Saudade é uma coisa engraçada! Basta um andar, uma música, uma caneta, uma foto... qualquer coisa pra te fazer lembrar. E o mais engraçado é que a saudade  te faz lembrar de coisas que, talvez, passassem anos e você nunca lembraria. Coisas recentes e coisas de 1998 também. 
Uma dessas lembranças, que a gente não faz ideia que tem, apareceu hoje: Era uma tarde quente, você tinha uns 4 ou 5 anos. Sorridente, magrinho... A brincadeira que você mais gostava na época era a "nossa dança". Não era uma dança propriamente dita, eu simplesmente te pegava no colo, girava pra um lado, girava para o outro, jogava pra cima, jogava pra baixo, te rodava... e você ria, ria com aquelas gargalhadas gostosas que há muito tempo não escuto. Quando eu me cansava, você pedia mais ou logo lembrava de outra brincadeira. 
Você amava caçar os caracóis no quintal da nossa falecida avó. A gente até fazia competição pra ver quem encontrava mais. No final, quando estávamos com dezenas de caracóis nós devolvíamos para a terra, afinal, "lá é o lugar deles", você dizia. Você cresceu um pouco mais, agora me acompanha nas séries e filmes. Você morria de medo de film de terror, mas sempre estava comigo nos "corujões". Alugamos 6\7 filmes e ficávamos sexta, sábado e domingo assistindo filmes e comendo besteira. O tempo todo você ficava comigo enquanto assistíamos, você estava lá mesmo quando era a vez dos filmes de terror; você ficava até adormecer no meu coloco...
Você cresceu mais um pouco, estávamos em outra casa, você tinha o seu quarto, eu tinha o meu... mas o hábito de dormir junto permaneceu. Era hábito assistir alguma coisa antes de dormir. Você me acompanhou na saga de Star Wars, Star Treck, Chuck, entre outras séries e animes que eu assistia na época... Você sempre gostou do history channel e compartilhava comigo todas as matérias interessantes que via.
Me Casei. Todo fim de sema você estava comigo. E quando não estava trocávamos mensagens o tempo todo. 
Você começou a namorar. Só ai percebi que você estava se tornando um homem. E para a minha tristeza, precisei dividir os finais de semana com a sua namorada. As noites em casa eram cada vez menos frequentes, mas as mensagens no fim da noite, todos os dias, eram fieis.
Você cresceu, fez suas escolhas. E o que mais dói é não poder escolher por você, porque se e pudesse escolher, escolheria um presente totalmente diferente. Mas infelizmente não posso. Infelizmente a gente não pode dividir a dor com ninguém. A gente não pode reduzir a dor de ninguém. 
São mais de dois meses longe e todo dia ainda antes de dormir pego o celular pra te mandar mensagem e quando lembro que você não pode me responder sinto uma pontada no peito e a mente não quer aceitar que você ainda não pode me responder.
Essa noite eu queria que você estivesse em casa, comendo pizza de calabresa com guaraná ou quem sabe comendo subway, batendo um papo descontraído, talvez fazendo seus comentários engraçados durante a conversa,.. não sei. só queria que você estivesse bem e aqui.

A saudade traz milhares de sentimentos, uma montanha russa de emoções! São milhares de lembranças que chegam sem ao menos pedir licença!
Acumule o máximo de boas lembranças com as pessoas que você ama, curta o máximo, aproveite os momentos juntos, mesmo que sejam simples. A gente nunca sabe a hora que irá precisar dessas lembranças. Quando a saudade bater, talvez as boas lembranças serão tudo o que nos resta.





Thamires Vasconcelos
Cientista Natural; Cristã; Bookaholic.
email: thamiresrcosta@gmail.com
instagram: @thamirevasconcelos
snapchat: thamiresrcv

24 comentários:

  1. Oieeee,
    Amei teu texto, muito lindo, cheio de verdade :')
    Parabéns!
    beijinhox

    ResponderExcluir
  2. Oi Thamires, temos mesmo que aproveitar cada momento possível com aqueles que amamos, sejam amigos ou parentes. Pois é quando a saudade bate, que este momentos tornam-se tão importantes. QUe beleza de texto, parabéns.
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi...
      Verdade... Quando a saudade bate tudo o que temos são as lembranças...
      Muito obrigada pelo elogio e pela visita.
      BJOO

      Excluir
  3. Aiii a saudade é uma coisa que dói, corrói a nossa alma, ela vem do nada e leva tudo, a saudade vem de surpresa e fica sem pedir a nossa permissão mesmo, adorei o texto.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Morgana.
      Saudade....
      Muito obrigada pelo elogio e pela visita.
      Bjoo

      Excluir
  4. Olá!
    Ótimo texto, me emocionou bastante.
    Saudade é um sentimento muito forte. Realmente temos que aproveitar ao máximo a vida e as pessoas ao nosso redor pois nunca sabemos o dia de amanhã não é mesmo?

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol.
      Fico honrada em saber que o texto te emocionou...
      Saudade é um "trem" ruim, né...?
      Muito obrigada pela visita.
      Bjoo

      Excluir
  5. Olá,
    Seu texto me emocionou bastante, a intensidade das palavras e lembranças me fizeram pensar em tantas coisas... nas pessoas ao redor, nas pessoas que acabei perdendo o contato...
    É um sentimento tão forte a saudade e nos arrebata de uma maneira avassaladora.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Michele.
      Fico muito feliz que você tenha consigo sentir o que eu estava sentindo no momento que escrevi este testo.
      Muito obrigada pela visita.
      Bjoo

      Excluir
  6. Oi, Thamires!
    Que texto fabuloso sobre a saudade! Realmente a saudade é um sentimento forte, que as vezes machuca e ficamos com aquele pensamento do "e se" E se tivéssemos feito diferente? E se tivéssemos dado valor enquanto tínhamos tempo? E se..? Por isso é bom viver o dia como se fosse o último, dando prioridade a quem merece e fazendo o possível para deixar nossa boa impressão nas pessoas.
    Sua escrita é excelente! Parabéns!
    beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Camila!
      Fico muito honrada com o seu elogio. Ame a quem puder e o quanto puder!
      Muito obrigada pela visita!
      Bjoo

      Excluir
  7. Olá!

    Pesado, hein! Que texto maravilhoso! Tão sincero e tão profundo... Adorei, parabéns!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oI, Kamila.
      Fico feliz que você tenha gostado.
      Muito obrigada pela visita.
      Bjoo

      Excluir
  8. Olá! Que texto emocionante! Triste!
    Imagina a dor de perder alguém, talvez um filho?
    Pelo menos foram acumuladas lembranças boas. Quantas pessoas não tem essa chance.
    Lindo, adorei. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, marcia.
      É triste estar longe de que se ama... O texto foi escrito para o meu irmão. <3
      Ele está vivo, mas em uma situação difícil.
      Obrigada pela visita.
      Bjoo

      Excluir
  9. Olá que texto mais lindo, amei ♥
    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado, Rayanni.
      Muito obrigada pela visita.
      Bjoo

      Excluir
  10. É um texto muito lindo, cheio de sentimentos verdadeiros. Sei dessa sensação de impotência que a saudade deixa como ninguém. "Viver cada segundo como nunca mais"...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nuccia.
      Obrigada pelo elogio e pela visita.
      Bjoo

      Excluir
  11. Oiee Thamires ^^
    Seu texto quase me fez chorar, precisei dar uma parada para me recompor antes de continuar. É tão triste quando somos bombardeadas por memórias assim e, quando percebemos, são só memórias, né? Às vezes parecem ser tão reais, mas aí lembramos que são só lembranças, e que a pessoa com quem as compartilhávamos não estão mais aqui :/
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dryh. Fiquei honrada quando li o seu comentário. Você conseguiu sentir aquilo que eu estava sentindo quando escrevi este texto.
      Muito obrigada pela visita.
      Bjoo

      Excluir
  12. Olá, Thamires!
    Texto muito lindo e reflexivo.
    Já passei e passo por momentos semelhantes. A diferença é que comigo a perda foi "para sempre", pelo menos no plano terreno. Mas tenho a certeza de que um dia a reencontrarei num lugar muito melhor, onde ela está me esperando agora.
    Espero que fique tudo bem com vcs e que a angústia do momento passe logo e vcs possam estar juntos novamente, bem e felizes.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nathalie.
      Muito obrigada por suas palavras de esperança e votos de felicidade.
      Muito obrigada pela visita.
      Bjoo

      Excluir

Olá!
Sua opinião é muito importante pra mim!
Deixe um recadinho. :D